CCIABM
CCIABM
Início » destaque » COMO FOI A MISSÃO EMPRESARIAL

destaque

COMO FOI A MISSÃO EMPRESARIAL

6 de dezembro de 2011

Cerimônia de abertura da Missão realizada pela APEX Brasil, CCIABM e MDIC

A Câmara de Comércio, Indústria e Agropecuária Brasil-Moçambique – CCIABM realizou, entre os dias 19 e 26 de novembro, mais uma Missão Empresarial para Moçambique.

A Missão foi realizada em parceria com a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos – APEX Brasil e do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior – MDIC, representado pelo Exmo. Sr. Ministro Fernando Pimentel.

Moçambique tem apresentado um forte potencial para realização de negócios no país. Além do crescimento médio de 8% ao ano, o país tem investido em grandes projetos, estes que até então estavam em fase de encubamento.

Como exemplo, a multinacional Vale, que possui significativa atuação no país no segmento de exploração de carvão, em parceria com a Odebrecht International e Camargo Corrêa, realizará investimentos para modernizar o porto de Nacala, localizado ao norte de Moçambique, além da construção de uma linha ferroviária para facilitar o escoamento da produção de carvão da mina até o porto.

Em vista deste contínuo crescimento de investimentos no país, a Missão da CCIABM buscou alinhar os objetivos dos participantes às oportunidades que estão surgindo decorrentes deste desenvolvimento interno.

A comitiva da Missão Empresarial chegou a Maputo, capital moçambicana no domingo, 20 de novembro, sendo o dia reservado para recepção, reunião preparatória e descanso.

No dia seguinte, segunda-feira, houve a abertura do evento coordenada pela APEX Brasil em parceria com a CCIABM. O evento contou com a presença de mais de 150 participantes, entre eles, o representante da Embaixada do Brasil em Maputo, Exmo. Sr. Ministro Conselheiro Ney Bittencourt e o Secretário Sr. Pedro Cardoso, O Embaixador de Moçambique no Brasil, Exmo. Sr. Murade Murargy, os Diretores da Zagope-Andrade Gutierrez, Vale, Camargo Corrêa, Odebrecht, dentre diversos outros personagens do relacionamento entre os dois países. Posteriormente, houve uma rodada de negócios realizada pela APEX em parceria com a CCIABM para cerca de 60 empresas brasileiras e um coquetel na casa do Embaixador para a Comitiva da CCIABM, APEX e MDIC, compondo um grupo de 150 pessoas.

 

Encontro de Negócios realizado pela APEX em parceria com a CCIABM no auditório do Hotel Indy Village, em Maputo.

 

A terça-feira foi marcada por um Seminário, que contou com apresentações do Ministério da Agricultura, Ministério de Recursos Minerais, Centro de Promoção de Investimento – CPI, Confederação das Associações Econômicas de Moçambique – CTA, pelo Banco Comercial e de Investimentos – BCI e pelos representantes dos escritórios Sal & Caleira e Bernardes & Advogados. Estas apresentações buscaram levar informações aos participntes sobre questões tributárias, oportunidades de plano de investimento por setor, impostos, entre outras questões.

A quarta e a quinta-feira foram reservadas para momentos exclusivos com as grandes empresas em Moçambique. Nestes dias, empresas como a Vale, o grupo Insitec, a Mozal e Camargo Corrêa realizaram sucintas apresentações sobre sua atuação no país e, posteriormente, realizaram reuniões com os participantes da comitiva da CCIABM para alinhamento de objetivos e realização de negócios.

 

Reunião realizada em 23/11 entre os Representantes da empresa Electro Aço – Altona (à esquerda) com representantes da Vale Moçambique.

 

A sexta-feira foi um dia livre para imersão na cultura local, na qual os participantes puderam visitar o Kruger Park, uma das maiores reservas naturais do mundo e a mais importante da África.

A Missão Empresarial Brasil-Moçambique, organizada pela CCIABM superou expectativas, com negócios fechados e diversos projetos prospectados, além de novos contatos e novas frentes de negócios realizadas pelos participantes.

Fonte: Departamento de Comunicação CCIABM